sábado, 18 de março de 2017

António Lobo Antunes


"Considerou "estranho" ter recebido o Prémio Autores Vida e Obra, da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), "por não saber onde começa uma e acaba outra".  Isto para mim é estranho", disse o escritor, no fecho da Gala da SPA, em Lisboa, acrescentando que o nome do prémio lhe faz uma "imensa confusão".
Não sei onde a vida começa e a obra acaba, porque desde que me conheço que escrevo (...)
aos quatro anos, já fazia romances "de duas páginas". 
Agradeceu o prémio entregue pelo presidente da SPA José Jorge Letria. Agradeceu igualmente a presença do Presidente da República, que cumprimentou o escritor em palco, assim como daquele a quem chamou "grande poeta", o ministro da Cultura, amigo "há mais de 40 anos", Luís Filipe Castro Mendes."
- Lusa 16 Mar, 2017, citação.
Assisti em diferido.
Momento emocionante - aquele em que o premiado cumpre a promessa de fazer adeus ao senhor Barata - que apresentou como homem inteligente, tipógrafo reformado, sempre sózinho, com uma grave doença de cancro no pulmão!).
"Livre-se... [pausa] livre-se de não vencer essa puta, que é o que o cancro é". 
Inesquecível lição para todos nós!

 

 

Sem comentários:

Enviar um comentário